Direitos Humanos: contribuição do NIMA para o Sínodo da Amazônia
11/10/2019
Editor chefe

O relatório “Povos indígenas e tribais da Panamazônia”, encomendado e publicado pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos, teve participação expressiva do Núcleo Interdisciplinar de Meio Ambiente da PUC-Rio. Virgínia Totti, professora do Departamento de Direito e integrante do Conselho Consultivo do NIMA, foi uma das coordenadoras do documento, junto com pesquisadores de outras universidades latino-americanas. O texto serve de subsídio para o Sínodo Especial para a Amazônia, que acontece entre os dias 6 e 27 de outubro de 2019, no Vaticano.
A análise foca nos problemas vividos pelas comunidades da região, onde as políticas públicas vêm afetando a garantia dos seus direitos humanos. A ampliação do extrativismo de recursos naturais e os megaprojetos de infraestrutura ameaçam os territórios ancestrais indígenas e afrodescendentes.


O documento completo está disponível aqui: https://tinyurl.com/Panamazonia2019